segunda-feira, maio 25, 2009


Orquídea Angraecum


Marcadores:






Angraecum, das úmidas e quentes matas das Filipinas, são mais representadas na África tropical e Ilha de Madagascar. Muito parecidas com as monopodiais Vandas, com flores por vezes perfumadas, chegando a medir até 15 centímetros de diâmetro. São plantas com muita variabilidade no tamanho e formato das flores e folhas.

A maioria das espécies é epífita, como a maioria das orquídeas, se apoiando principalmente no tronco lenhoso de árvores, mas encontramos algumas espécies que preferem as pedras como substrato.

Com mais de 220 espécies descritas, ainda hoje estão descobrindo novas formas de Angraecum. Muitas espécies antes pertencentes ao gênero, foram recentemente re-classificadas.

O hábitat destas plantas são florestas, do nível do mar até as matas úmidas de 2.000m

A maioria das flores é branca, mas algumas são amarelas, verdes ou ocre. Algumas estão entre as mais magníficas orquídeas. Possui um esporão nectarífero delgado verde-esbranquiçado, pouco aparente. As flores são racemosas e crescem das axilas da folha, na maior parte brancas, mas algumas são amarelas, verdes ou ocres.

Os variados hábitats em que se encontram as plantas deste gênero torna muito difícil aconselhar os cuidados de cultivo. O melhor a fazer é identificar a espécie, mas algumas generalidades podem ser ditas.

Gostam de luz intensa, sem incidência de sol direto sobre a planta. Mas algumas, como o A soronium, não irão florir sem sol.

É importantíssimo atender as condições ideais de umidade que o Angraecum exige.

Confira o link www.orchids.mu/Species/Angraecum com lista de espécies e informações adicionais (em inglês).
Angraecum NAS FILIPINAS Flores belas e vistosas de um Angraecum

0 comentários:

Postar um comentário

:a   :b   :c   :d   :e   :f   :g   :h   :i   :j   :k   :l   :m   :n   :o   :p   :q   :r   :s   :t