segunda-feira, maio 25, 2009


Orquídeas Phalaenopsis: As Orquídeas Borboleta


Marcadores:










































A Orquídea Phalaenopsis é originária da Indonésia e das Filipinas e, como orquídea tropical, prefere temperaturas entre 18 e 28 graus centígrados. Em época de clima frio, especialmente nas regiões Sul e Sudeste, evite deixar sua orquídea exposta, pois não sobreviverá a geadas e ventos frios!

A Phalaenopsis é uma das mais belas e populares orquídeas e é produzida e cultivada em larga escala pela indústria brasileira. Por isto mesmo, existe hoje um grande número de híbridos, fruto do cruzamento de espécies em cativeiro.

A Phalaenopsis, assim como muitas orquídeas, é uma epiphyta (epi= em cima + phyta= planta). Neste caso ela usa suas raízes grossas para segurar-se às cascas das árvores. A epiphyta é uma planta que se desenvolve sobre outra planta, usando-a como apoio, não tirando nenhum nutriente da planta onde cresce. Podemos observar que , quando plantada no tronco de uma árvore, suas raízes crescem por todos os lados, sendo bem diferente das outras espécies de plantas, cujas raízes crescem para baixo, penetrando na terra. Por esta razão é que parte das raízes da orquídea cultivada em vaso está sempre para fora, o que não significa que deva ser replantada.

Coloque-a em um local bem iluminado e bem ventilado, de preferência onde a planta possa receber o sol da manhã. Quando a planta está sem flores, é preferível deixá-la na área ou no jardim num lugar bem protegido do sol do meio dia (por exemplo: de baixo de uma árvore).

Há dois tipos principais: o padrão e o miniatura. O primeiro pode chegar a 1 m de altura, enquanto as miniaturas ficam em torno de 30 cm. Ambos tem a estrutura bem semelhante, diferindo apenas no tamanho.
Phalaenopsis
A Phalaenopsis se adapta bem em substratos ricos em casca de madeira e xaxim (este último, proibido por lei. Está sendo feito atualmente o uso de fibra da casca do coco). O carvão vegetal e os musgos (ou espumas artificias para reter a umidade) também estão presentes. Uma vez ao mês, pode ser feito uso de fertilizante NPK 10:10:10, numa pequena porção em uma colher de café para um litro de água. Plantas floridas ou com suas raízes ainda não adaptadas ao vaso não devem receber estes fertilizantes.

A Phalaenopsis deve ter sua haste cortada após as flores murcharem. Esta poda deve ser realizada com tesoura esterilizada.


A Phalaenopsis emite cachos de até 12 flores, se bem cuidada. Suas flores têm muita durabilidade e resistência, persistindo por três ou cinco semanas antes de murcharem. Após a poda da haste, a Phalaenopsis pode voltar a dar novos cachos ainda no mesmo ano, numa ramificação.
Phalaenopsis

SEMI-ALBA, plantas com flores de longa vida, as Phalaenopsis produziram centenas de híbridos a partir de plantas puras.


A poda deve ser feita na haste, após o terceiro nó, numa altura aproximada de 20 centímetros.
É possível também obter
Muda de Phalaenopsis a partir de pó de canela.

Obtenção de mudas de orquídeas Phalaenopsis na haste floral por indução com pó de canela

Logo após a floração da sua Phalaenopsis, quando as flores murcham e secam por completo e são manualmente removidas, é possível induzir o nascimento de uma muda clone que brotará na própria haste floral, com a aplicação de pó de canela no substrato.

Após o corte com tesoura de poda (esterilizada com fogo ou produto específico) no terceiro nó da haste floral da planta, é comum brotar uma nova haste que vai fazer sua Phalaenopsis gerar uma segunda floração no mesmo ano, quando bem tratada.

Mas se você fizer a poda da haste floral na altura do mesmo terceiro nó e colocar uma colher média de canela em pó em toda superfície do vaso, isto vai estimular o nascimento de uma nova planta que brotará na haste, na altura deste nó.

Em alguns meses, logo que a planta estiver com quatro folhas de cerca de quatro centímetros cada e emanando duas ou três raízes de até 3 centímetros, faça o corte da nova muda pela haste, um pouco abaixo e replante a nova muda em outro vaso menor.

Lembre-se de que as plantas jovens precisam de maior umidade, por isso, fique atento a rega até que as plantas se desenvolvam.

0 comentários:

Postar um comentário

:a   :b   :c   :d   :e   :f   :g   :h   :i   :j   :k   :l   :m   :n   :o   :p   :q   :r   :s   :t