domingo, setembro 16, 2012


A tal da etiqueta


Marcadores: ,

Jantar formal à vista? Não precisa perder o apetite. Veja abaixo e veja a disposição correta de talheres e afins de acordo com as dicas.



Prato para pão e faca para manteiga
De quem é esse pãozinho? Se estiver à sua esquerda, é seu. Use a faca para manteiga e outras pastas. Para cortar o pão não precisa complicar, use as mãos.

Faqueiro completo
Cada talher é usado numa etapa da refeição. Garfos ficam à esquerda; facas e colher de sopa, à direita. A sequência de uso é de fora apra dentro. Para sobremesa, utilize os talheres à frente do prato.

Guardanapo
Na mesa fortal, o guardanapo fica à esquerda ou se não houver espaço, em cima do prato. Deve ser colocado sobre o colo e usado sempre que for beber algo. É comum haver também guardanapo de papel, apra retirar o excesso do batom. "Caso não haja é de bom-tom ir ao banheiro antes da refeição para remover o batom.

Brinde sem erro
As taças ficam a direita e são pelo menos duas: uma para água e uma para outra bebida. Certas mesas contam com até quatro delas: a maior para água e as outras para vinhos tintos, branco e espumante. A do vinho branco é menor do que a do vinho tinto.

Mesa decorada

- A primeira regra é: tudo que vai à mesa tem de ser usado. Se colocar um castiçal, a vela deverá ser acesa, o que não cairá bem em eventos diurnos, ou em noites quentes.
- “Evite arranjos de flores com perfume forte e composições altas, com mais de 30 cm, que possam atrapalhar a visibilidade do convidado que estiver à frente”, adverte a consultora em etiqueta e marketing pessoal Lígia Marques.


Ordem de apresentação

- De um modo geral, os alimentos devem ser servidos numa ordem crescente de sabor. “A ideia é que nenhum apague o outro”.
- Normalmente, a apresentação segue a seguinte ordem: entrada ou sopa → prato principal (uma massa, por exemplo) → carne → ave ou peixe → sobremesa → café e licores.


Comendo com...

...as mãos
- os casos de coquetéis, finger foods e aperitivos que dispensam talheres, os guardanapos devem ser utilizados apenas para limpar a ponta dos dedos.
- Pães também devem ser partidos com as mãos.

… colher
- Para as sopas, a colher deve ser levada à boca na diagonal pela mão direita.
- Nunca assopre, nem limpe o excesso da colher no canto do prato.
- Molhar o pão? Jamais!

… talheres
- A faca deve ficar sempre na mão direita e o garfo na esquerda.
- A regra permite descansar a faca na borda do prato após cortar o alimento com a mão direita e servir-se com o garfo na mão direita.
- Massas não devem ser cortadas com faca; no máximo, com garfo.
- Evite cortar as folhas de alface. Com a faca na mão direita, dobre-as feito uma trouxinha.
- No intervalo das refeições, descanse os talheres no prato de pão ou em apoio próprio. Na ausência, deixe-os sobre o guardanapo e, ao final da refeição, sobre o prato.

... utensílios de sobremesa
- Com exceção das frutas com casca, as demais sobremesas devem ser saboreadas com a ajuda do garfo e da colher, simultaneamente. No caso de um pudim, por exemplo, utiliza-se o garfo para amparar o doce, que será partido e levado à boca pela colher. Com uma torta de chocolate, o processo será inverso, ou seja, corta-se com a colher e serve-se com o garfo.

Para cada prato, uma bebida

- De maneira geral, peixes e frutos do mar pedem vinhos brancos, enquanto carnes, aves e massas acompanham os tintos.
- Champanhes podem ser tomados do início ao fim das refeições, inclusive com as sobremesas, que também vão bem com vinhos adocicados.
- Para acertar, o melhor mesmo é confiar no seu paladar ou consultar um especialista, já que existem vinhos brancos encorpados e tintos suaves.
- E toda taça deve ser segurada pela haste. “Sem nenhum dedinho levantado”, realça Célia Leão.

Não como isso!

- Para não escutar essa frase, é educado informar anteriormente, de preferência no ato do convite, o cardápio que será oferecido.
- Cabe ao convidado declinar educadamente no caso de uma relação formal, ou, se forem íntimos, mencionar suas preferências e restrições alimentares para que o anfitrião possa providenciar outras opções.
- Se você for a convidada e deparar-se com pratos e talheres que não domina, relaxe e procure observar pessoas que estão mais à vontade à mesa para se espelhar.

Lugares à mesa

- Normalmente utilizado em ocasiões formais, o placement, ou plano de mesa, é o que garante o sucesso de um jantar.
- Por critério de afinidades, o anfitrião é quem determina o assento dos convidados, marcados ou não, lembrando-se de intercalar homens e mulheres, e separar os casais para favorecer a comunicação entre os comensais.
- Pela etiqueta tradicional, os anfitriões ocupam as extremidades opostas da mesa, seguidos dos convidados de honra, sentados à direita dos mesmos, ou do casal mais velho.
- Outra possibilidade, mais simpática, é posicionar os anfitriões no centro da mesa, sentados frente a frente.
- Lembre-se: nunca se sirva antes do anfitrião, ao menos que ele peça.
- Saiba que, como anfitriã, você pode e deve optar pelo tipo de evento em que se sinta mais à vontade. O mais importante é aliar as suas preferências com as de seus convidados.
- No mais, “seja você mesmo e sua festa será um sucesso”, aconselha a arquiteta e jornalista Olga Krell em seu livro Receber em Casa.
 

Ajudou muito essas dicas né gente, é bom saber antes de chegar a hora de você precisar dessas dicas né.



3 comentários:

Vanessa Lopes disse... [Responder Comentário]

Eu tenho uma duvida, qual se coloca primeiro: o leite ou o açucar??
O café ou o açucar???

Obrigada

Deda Beleza disse... [Responder Comentário]

Amiga amei as dicas, é sempre bom saber esses detalhes para não fazer feio por aí...
Bjinhos e boa semana,
http://dedabeleza.blogspot.pt/

Biah Wenzel disse... [Responder Comentário]

nossa, muito legal o post! sempre tive curiosidade de saber essas coisas mas nunca pesquisava... vc colocou de um jeito fácil de entender!

Postar um comentário

:a   :b   :c   :d   :e   :f   :g   :h   :i   :j   :k   :l   :m   :n   :o   :p   :q   :r   :s   :t